27 de jun de 2011

SEMEANDO

De que vale a minha felicidade, se aqueles que amo não estão felizes?
E é a minha felicidade que faz com que eu acorde todos os dias e agradeça por ter a quem amar.
E é a minha felicidade que faz com que eu plante uma sementinha de amor em quem eu amo.
E é a minha felicidade que me dá esperanças de que um dia aqueles que eu amo sejam felizes.

23 de jun de 2011

LIÇÃO RE...

Assisti ao filme NOSSO LAR. Maravilhoso!!!
Eu já li o livro, e como é de costume, o livro é muito mais cheio de detalhes que o filme, e fiquei com vontade de reler.
Para mim, o filme é básico, dentro do possível aos olhos de quem não conhece muito o mundo espiritual. Mundo esse real.
A lição que eu tirei desse filme foi: RECOMEÇAR.
Nada começa, nada termina, tudo recomeça, num círculo fantástico e interminável...

16 de jun de 2011

PENSAMENTOS IMPERTINENTES

Somos criadores de tudo o que pensamos, nada vem de fora, tudo vem de dentro, principalmente os pensamentos...
Antigamente eu ficava ligada em ideias desagradáveis por dias e dias, e isso me consumia, me desgastava. Pensamentos que, aparentemente, não são meus, mas são...
Pensamentos desse tipo ainda me visitam, mas são mais raros. Ficam martelando na minha cabeça, me trazendo sensações nada agradáveis, e hoje em dia eu consigo identificá-los e afastá-los rapidamente.
Como resolver essa questão? Quando estamos ligados a algum pensamento impertinente é só substituí-lo por algo agradável.
É fácil, mas é preciso disciplina. E com o tempo esse ato se torna automático.
Já dizia Jesus: "Orai e vigiai".
Eu oro sempre...
Vigio constantemente...

7 de jun de 2011

DEUS???

Antes eu imaginava Deus como um homem, um senhor, na verdade, com barbas longas e cabelos brancos, com sua roupa alva, que ficava lá em cima, olhando cada passo que cada um dava, e ficava pensando "como ele consegue ver tantas pessoas ao mesmo tempo?".
Depois eu descobri que Ele possui muito nomes: Deus, Jeová, Energia Cósmica, Vida, Universo...
Eu costumo chamar Deus de VIDA. É o que cai melhor para mim. Porque toda vez que eu penso "Deus", me vem a imagem do Senhor descrito acima, e quando eu penso "Vida", me vem toda a existência, todo o mundo que existe.
Complicado de explicar, fácil de sentir...

2 de jun de 2011

REVISÃO

Há alguns anos conheci o Gasparetto, não pessoalmente, o que me agradaria profundamente, mas pela Rádio Mundial (FM 95,7). Ele possui o programa semanal "Gasparetto conversando com você" e durante muito tempo, religiosamente, eu ouvia os seus programas.
Ele é do tipo "ame ou odeie". Eu o amo. Ele é ótimo, simples, direto, e tem uma visão da espiritualidade que é magnífica.
Eu aprendi muito com ele, muito mesmo, juntamente com o Calunga, Mas de tanto ouvir, comecei a reparar que as lições estavam ficando repetitivas, coisas que eu já havia aprendido, ou que já conhecia.
Então, me afastei...
Acredito que estamos sempre aprendendo, sem exceção, mas aquele era um caminho que eu já havia percorrido. Posso até não ter aprendido todas as lições, mas já conhecia a matéria de cor e salteado.
Mas a vida vai e volta, e lições novas vão surgindo, e o modo de enxergar o mundo muda.
E eu mudei...
E ontem tive o prazer de ouvir novamente o seu programa. E quem estava lá? O Calunga.
E pesquei algumas ideias que achei importantes para mim, no momento:
- "O medo é a certeza do negativo"
- "Ódio é uma grande força salvadora"
- "Teimosia é um poder, é firmeza. Mas... é preciso ser flexível"
- "Tem que ter escuro para ter a luz. Quando a luz se firma, não precisa mais da escuridão"
- "Na natureza só fica o que funciona"
- "Eu estou na beleza, eu estou na fartura, eu estou no bem"
As frases não foram necessariamente essas, mas a ideia está aí.
E me senti muito bem ouvindo o programa, mais disposta, mais confiante, e mais feliz...